logo da Quercus

.Dezembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.subscrever feeds

.etiquetas (tags)

. todas as tags

Conferência de Poznan - 2008
Conferência de Bali - 2007
Conferência de Nairobi - 2006
Videos Clima no Sapo
Sexta-feira, 4 de Dezembro de 2009

5 Presentes Para Salvar o Planeta

A Quercus entrega hoje cinco presentes ao Primeiro-Ministro: uma calculadora solar, uma lâmpada economizadora LED, um carregador solar de telemóvel, um sobreiro para plantar e um cheque de 195 mil milhões de dólares por assinar. Espera-se que José Sócrates fique assim alerta para as principais questões da Cimeira sobre Alterações Climáticas, que a Quercus irá acompanhar a partir de Copenhaga.

 

Tem início na próxima segunda-feira, dia 7 de Dezembro, a 15ª reunião da Conferência das Partes da Convenção das Nações Unidas para as Alterações Climáticas (COP15) em Copenhaga, Dinamarca. Até dia 18 de Dezembro, os países de todo o mundo vão ter de acordar numa nova meta de redução de gases de efeito de estufa que continue e supere o trabalho começado pelo Protocolo de Quioto.

A Quercus e a Objectivo 2015 - Campanha do Milénio das Nações Unidas - apelam ao Sr. Primeiro-Ministro para que Portugal contribua activamente para uma posição mais ambiciosa da União Europeia e faça investimentos coerentes em termos de política energética e ambiental no combate às alterações climáticas.

É neste sentido que a Quercus entrega hoje, em São Bento, pelas 15 horas, os presentes ao Sr. Primeiro-Ministro José Sócrates, que já confirmou a sua presença em Copenhaga. Estas ofertas servirão para relembrar as grandes questões que vão ser decididas pelos Chefes de Estado na Cimeira e que afectarão o futuro da Terra e da Humanidade.

1º Presente – Calculadora solar – Para que não se engane nas contas
Os cientistas afirmam que o aumento da temperatura do planeta tem de ser inferior a 2ºC, para que seja possível evitar as consequências catastróficas das alterações climáticas. Para tal, é necessário que os países desenvolvidos acordem uma redução entre 25% a 40% das suas emissões de gases de efeito de estufa até 2020, com base nos valores de 1990. A União Europeia deverá elevar consideravelmente o seu nível de ambição, chegando aos 40%, dos quais 30% devem ser assegurados através de um esforço interno e apenas os restantes 10% pela aquisição de créditos externos de carbono.

2º Presente – Lâmpada LED

Mais decisiva ainda do que as energias renováveis, a aposta na eficiência energética é onde os investimentos têm uma melhor relação de custo-eficácia, a começar por Portugal. É necessário que esta seja uma prioridade mais visível e que faça parte dos grandes objectivos para todos os países na redução das necessidades em energia primária.

3º Presente – Carregador solar de telemóvel
A aposta nas energias renováveis em todo o mundo é fundamental. É indispensável que os países desenvolvidos acordem um fundo tecnológico que ajude os países em desenvolvimento num futuro menos dependente de combustíveis fósseis, isto é, com menores emissões de carbono.

4º Presente – Um Quercus suber (sobreiro) para plantar
As florestas podem ter uma importante contribuição na redução das concentrações de dióxido de carbono na atmosfera. Portugal, com um terço do território ocupado por área florestal, deve no entanto defender uma forma de contabilização do contributo das florestas na redução das emissões que seja simples, transparente e baseada numa referência histórica.

5º Presente – Um cheque de 195 mil milhões de dólares por assinar
São necessários 195 mil milhões de dólares por ano para ajudar os países em desenvolvimento na redução das suas emissões e na adaptação aos efeitos das alterações climáticas, que já não se podem evitar. Estes países foram os que menos contribuíram para o problema, mas são os mais afectados por ele. Este montante de apoio adicional à Ajuda Pública para o Desenvolvimento é essencial também para cumprir os Objectivos do Milénio das Nações Unidas até ao ano de 2015. Mais informações na brochura “Alterações Climáticas e Objectivos do Milénio”.

 

Lisboa, 4 de Dezembro de 2009

etiquetas (tags): , , ,
publicado por climáticas às 16:12
link do post | comentar | favorito
|

.ligações externas

.mais sobre mim

.arquivos

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

.pesquisar

 
blogs SAPO